Notícias

19/06/2020
Filantropia
 
Advocacia se une para ajudar famílias da Brasilândia, SP
Companha tem como objetivo entregar 10 mil cartões de alimentação.
 
Escritórios de advocacia estão se unindo para ajudar famílias que moram na Brasilândia, zona norte de São Paulo. A campanha "O Legal pela Brasilândia" nasceu do encontro do PLKC Advogados, que tem uma atuação forte na filantropia, com a ONG Banco de Alimentos e o  Instituto Stop Hunger.
 
O objetivo é entregar 10 mil cartões de alimentação, no valor de R$ 100 cada, que poderão ser trocados por alimentos e produtos de higiene e limpeza. Além de facilitar o acesso da população local a esses produtos, a ideia é ajudar o comércio da região nesse momento de crise. 
 
Para isso, a advogada Priscila Pasqualin explica que a ideia é agregar o maior número de parceiros possível.  "Nós vimos que poderíamos agregar novos parceiros e, porque não, mobilizar o meio jurídico para entrar nessa corrente do bem. É uma ação pela cidadania, recheada de empatia. Todos nós podemos contribuir para ajudar nesse momento delicado e tanto faz de onde venha a ideia. Não há tempo para protagonismos, pois a fome não espera”, diz.
 
Já fazem parte do grupo, além do PLKC Advogados, os escritórios  Cescon Barrieu Advogados, Demarest Advogados, Ferraz de Camargo Advogados, KLA, Lacaz Martins, Pereira Neto, Gurevich & Schoueri Advogados, Mannrich e Vasconcelos e Pugliesi Advogados e Amaral Veiga Advogados.  "O Legal pela Brasilândia" tem também  o apoio do CESA - Centro de Estudos das Sociedades de Advogados.



Fonte: Migalhas - SP