Notícias

19/02/2019

Apresentação
 

Advogados associados ao Centro de Estudos de Sociedades de Advogados (CESA), seccional piauiense, participaram de palestra com o presidente do Tribunal de Justiça do Piauí, desembargador Sebastião Ribeiro Martins. O jurista apresentou as perspectivas da nova gestão à frente do TJ no biênio 2019-2020.

Ao iniciar sua fala, o desembargador Sebastião Ribeiro Martins fez uma breve apresentação sobre o histórico do Tribunal, composição atual do Judiciário Estadual, orçamento do ano de 2018 e previsão de arrecadação para 2019, além das principais obras em andamento, como o Novo Palácio da Justiça, fórum de Picos, Cejusc Picos, reforma no fórum de Esperantina, dentre outros.

Ao assumir a presidência do TJ no início de janeiro, o novo presidente anunciou as prioridades da gestão para os próximos dois anos e apresentou para os advogados presentes no encontro. Segundo o desembargador Sebastião Martins, a primeira meta é o aumento da produtividade por conta da grande demanda processual. Em segundo, ampliar a utilização da mediação e conciliação e, em terceiro, incrementar ações de enfretamento a violência contra a mulher.

"A nossa primeira meta é a mesma do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de julgar mais processos. Com a nomeação dos novos juízes no ano passado nós teremos em 2019 um aumento significativo da produtividade. O processo judicial eletrônico na área cível já está avançando bastante e vamos também implantar nas varas criminais. Vamos também incentivar a mediação e conciliação que é um política do CNJ e também é agora um exercício do Novo Código de Processo Civil. E devido ao alarmante índice de mulheres assassinadas no ano de 2018 vamos fortalecer essa rede de combate a violência contra a mulher", disse.

O desembargador Sebastião Martins encerrou a conversa destacando a importância da advocacia para o fortalecimento do judiciário. "Os próprios advogados devem lutar para fortalecer o judiciário. Não é fortalecer o juiz e sim a instituição, porque somente dessa forma, com um judiciário forte, bem aparelhado, com juízes preparados, é uma garantia do próprio advogado de assegurar os direitos da Constituição Federal", disse o presidente.

O presidente da seccional piauiense do CESA, o advogado Álvaro Mota, analisou o encontro como histórico e pontuou a importância do diálogo em prol da cidadania e da prestação jurisdicional. "Que juntos possamos solucionar os desafios. Com certeza esse compromisso com a gestão e a implantação de novas práticas, novas rotinas e uma nova cultura dará bons frutos daqui a quatro, cinco anos", finalizou Álvaro Motaagradecendo ao desembargador Sebastião Ribeiro Martins e aos demais desembargadores presentes, bem como os integrantes do CESA-PI que participaram.

CESA no Piauí

Desde sua fundação no ano de 2017, o Centro tem realizado encontros periódicos para estudos e discussões jurídicas em benefício das sociedades de advogados e de interesse da profissão de advogado. Os encontros contam sempre a presença de renomados juristas do país, que enriquecem o diálogo com os demais colegas advogados.
Fonte:
 Piauí Hoje - PI